19 de outubro de 2018

A Mulher deve Salvar a Mulher. Esse é um dos lemas que fazem parte da missão da Companhia de Maria, colocado em prática através do nosso Projeto Educativo, de 410 anos. A partir de uma opção clara pela mulher, compromete-nos a defender sua dignidade e seus direitos sociais, no qual a saúde está incluída.

Procuramos acompanhá-la na afirmação de sua identidade e no desenvolvimento das potencialidades que lhe permitem desempenhar o papel que lhe corresponde na transformação da sociedade.

O mês de outubro é lembrado como Outubro Rosa. Momento em que se trabalha mais fortemente a conscientização do câncer de mama e mais recentemente do colo de útero, também.

O Compa, Colégio da Companhia de Maria, apoia essa causa porque além da importância para a saúde, o tema está relacionado diretamente com o propósito da Companhia de Maria A Mulher deve Salvar a Mulher.

De acordo com dados no Inca, Instituto Nacional do Câncer, o câncer de mama é o tipo mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, respondendo por cerca de 28% dos casos novos a cada ano.

Relativamente raro antes dos 35 anos, acima desta idade sua incidência cresce progressivamente, especialmente após os 50 anos.

 

O câncer de mama pode ser percebido em fases iniciais, na maioria dos casos, por meio dos seguintes sinais e sintomas:

– Nódulo (caroço), fixo e geralmente indolor: é a principal manifestação da doença, estando presente em cerca de 90% dos casos quando o câncer é percebido pela própria mulher.

-Pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja.

– Alterações no bico do peito (mamilo).

– Pequenos nódulos nas axilas ou no pescoço.

– Saída de líquido anormal das mamas.

 

Esses sinais e sintomas devem sempre ser investigados, porém podem estar relacionados a doenças benignas da mama.

É necessária uma postura atenta por parte das mulheres.

× Agende sua Visita